Peças que a vida nos prega!

 REFLEXÃO:

      Antônio era um funcionário dedicado, que estava prestes a se aposentar. Ele foi um dos primeiros a trabalhar na maior construtora da região. O dono dessa construtora muito famosa era justo e bondoso e quis fazer uma surpresa a seu funcionário.

       Ele chamou Antônio em sua sala e lhe disse: 

 –    Antônio, eu tenho uma missão muito especial para você.  Eu quero que seja construída uma casa com muito capricho, usando o melhor material. Não se preocupe com o custo.  Que nada falte a esta casa, pois é um presente especial… Ah, e faço questão de lhe pagar a parte por essa construção.

     Antônio ficou aborrecido e disse consigo mesmo: justo agora que vou me aposentar, serei obrigado a construir essa. E logo uma casa tão especial, que o próprio dono pediu para ser a melhor que eu já fiz.  

      Muito irritado, começou a construir a casa, mas sem  cuidado nenhum, usando até material de segunda. A raiva que ele estava do patrão era tão grande, que em pouco tempo, terminou a pior casa que já havia feito em sua vida.

      Antônio foi falar com o dono da construtora, para receber o seu dinheiro e ficou surpreso, quando foi convidado para, na semana seguinte, entregar a chave ao novo proprietário.

   Era um domingo, vários funcionários lá estavam quando Antônio chegou.  Havia um palanque montado e uma multidão o aguardava.

     Convidado a subir no palanque ao lado do dono da construtora, Antônio ouviu as primeiras palavras que ele disse: 

–   Esta casa foi construída pelo meu melhor funcionário e com o melhor material já utilizado. Apesar de ter se aposentado na semana passada, mesmo assim, ele a construiu com amor como sempre fez.

     Quando   Antônio olhou para traz,  viu que lá estavam sua esposa, filhos e netos.   O  dono da construtora prosseguiu dizendo:   

–    Como presente de aposentadoria eu quero lhe dar a melhor casa já construída por  você .   

       Antônio recebeu a chave e começou a chorar!

        Quantas vezes, com Deus e com os outros, nós agimos da mesma maneira…

     “Vamos diariamente oferecer o melhor de nós, avançando em direção a Deus, libertando-nos da posse dos frágeis valores deste mundo”.

 Texto digitado pela aluna Severina Pereira da Silva.

Os alunos fizeram atividades com o texto:

– Leitura;

– Interpretação do texto;

– relato pessoal sobre o texto.

Vejam algumas atividades:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: