Archive for junho 23, 2007

Se cada um fizer a sua parte…

    Alguns dizem que é besteira tomar atitudes que melhorem a nossa qualidade de vida, pois muita gente não faz nada, não estão nem aí!

      Mas, a nossa consciência é o que vale!

      Se cada um fizer um pouco para não prejudicar mais do que a nossa natureza está prejudicada, tudo irá melhorar!

      É lógico que dependemos de políticas públicas, ações governamentais, além da mobilização da sociedade do planeta, pois os dados estão alarmantes!

      Segundo as pesquisas da ONU (Organização das Nações Unidas) se não tomarmos uma providência e, os países que mais poluem o ar, como Estados Unidos, Japão, Europa e outros… se conscientizarem do caos que estão provocando, não teremos um planeta saudável para os nossos filhos, netos e coitados dos nossos bisnetos!

         Iremos dar algumas dicas para você não poluir tanto o ar e, com pequenas atitudes, fazer a sua parte!

        Assista o vídeo e veja o aquecimento global no Brasil:

Assista, também, ao vídeo do vodpod sobre o aquecimento global!

Leave a comment »

Palavras que devem ser esquecidas!

    Algumas palavras devem ser esquecidas, colocadas de fora das nossas vidas!

     Poucos têm muito, e muitos têm pouco!

     Vivemos em uma sociedade justa?

Assista o filme e faça uma reflexão!

Leave a comment »

Peças que a vida nos prega!

 REFLEXÃO:

      Antônio era um funcionário dedicado, que estava prestes a se aposentar. Ele foi um dos primeiros a trabalhar na maior construtora da região. O dono dessa construtora muito famosa era justo e bondoso e quis fazer uma surpresa a seu funcionário.

       Ele chamou Antônio em sua sala e lhe disse: 

 –    Antônio, eu tenho uma missão muito especial para você.  Eu quero que seja construída uma casa com muito capricho, usando o melhor material. Não se preocupe com o custo.  Que nada falte a esta casa, pois é um presente especial… Ah, e faço questão de lhe pagar a parte por essa construção.

     Antônio ficou aborrecido e disse consigo mesmo: justo agora que vou me aposentar, serei obrigado a construir essa. E logo uma casa tão especial, que o próprio dono pediu para ser a melhor que eu já fiz.  

      Muito irritado, começou a construir a casa, mas sem  cuidado nenhum, usando até material de segunda. A raiva que ele estava do patrão era tão grande, que em pouco tempo, terminou a pior casa que já havia feito em sua vida.

      Antônio foi falar com o dono da construtora, para receber o seu dinheiro e ficou surpreso, quando foi convidado para, na semana seguinte, entregar a chave ao novo proprietário.

   Era um domingo, vários funcionários lá estavam quando Antônio chegou.  Havia um palanque montado e uma multidão o aguardava.

     Convidado a subir no palanque ao lado do dono da construtora, Antônio ouviu as primeiras palavras que ele disse: 

–   Esta casa foi construída pelo meu melhor funcionário e com o melhor material já utilizado. Apesar de ter se aposentado na semana passada, mesmo assim, ele a construiu com amor como sempre fez.

     Quando   Antônio olhou para traz,  viu que lá estavam sua esposa, filhos e netos.   O  dono da construtora prosseguiu dizendo:   

–    Como presente de aposentadoria eu quero lhe dar a melhor casa já construída por  você .   

       Antônio recebeu a chave e começou a chorar!

        Quantas vezes, com Deus e com os outros, nós agimos da mesma maneira…

     “Vamos diariamente oferecer o melhor de nós, avançando em direção a Deus, libertando-nos da posse dos frágeis valores deste mundo”.

 Texto digitado pela aluna Severina Pereira da Silva.

Os alunos fizeram atividades com o texto:

– Leitura;

– Interpretação do texto;

– relato pessoal sobre o texto.

Vejam algumas atividades:

Leave a comment »